Vale tudo Eleitoral em tempos de pandemia.

O mundo inteiro está vivendo o terror imposto pela COVID-19, no Brasil já temos mais 100 mil pessoas com o vírus e um total de 7.485 mortos pela doença. Coelho Neto teve na semana passada seu primeiro caso confirmado, e rapidamente chegamos a mais de 20 pessoa infectadas na cidade.

Mesmo em um cenário de aflição o oportunismo político Eleitoral corre solto, com o ex-prefeito Soliney Silva (MDB) valendo-se da pandemia para promover o nome do filho junto a população. São diversas ações de distribuição de bens de consumo que o ex-gestor tem promovido com a intenção de alavancar o nome do seu herdeiro político na cidade.

Sem qualquer tipo de EPI, médica e esposa de pré-candidato a prefeito aparece na zona rural distribuindo alimentos.

Mais sujo que pau de galinheiro, condenado na justiça por corrupção, respondendo a mais de uma dezena de processos por desvio de recursos e sem condições de disputar uma eleição. O ex-prefeito tenta desesperadamente ter alguém de sua total confiança no comando da cidade para que venha a ter algum alívio na justiça.

Muitos dos processos que Soliney responde são ações de iniciativa da Prefeitura de Coelho Neto e tiveram início em 2017, após sua saída do poder. Hoje o ex-prefeito tem quase R$ 8 milhões de reais bloqueados pela justiça, são ações que apontam desvio de recursos da construção de creches e unidades básicas de saúde na cidade.

Se um dia o filho sentar na cadeira de prefeito, estas ações que visam a recuperação de recursos públicos desviados seriam, obviamente, paralisadas; as investigações, que dependem de provas fornecidas pela Prefeitura, seriam interrompidas; e o corrupto ex-prefeito teria a certeza da impunidade com seus crimes prescrevendo.

Soliney doa máscaras, alimentos, e outras coisas hoje esperando no futuro não responder pelos crimes que sua gestão cometeu, ter o filho no comando da cidade seria uma Excelente forma de garantir a impunidade.

Voltamos a qualquer momento com mais informações.

Comentários do Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *