TSE: Roseana Sarney é a candidata mais rica, Flávio Dino ficou mais pobre

Os candidatos ao governo Flávio Dino (PCdoB) e Roseana Sarney (MDB) já fizeram o pedido de registro de suas candidaturas no sistema eletrônico DivulgaCand do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e apresentaram a declaração de bens.
Roseana apresentou à Justiça Eleitoral um patrimônio de R$ 11.427,380,30 em bens. Em 2010, a filha de Sarney declarou ter R$ 7.838.530,34. O vice, o empresário de Imperatriz Ribinha Cunha (PSC) afirmou possuir R$ 3.447.398,10.
Já o governador Flávio Dino declarou à Justiça Eleitoral possuir R$ 885.534,54 em bens. Em 2014, o seu patrimônio era de R$ 933.605,93. O vice Carlos Brandão (PRB) cadastrou seus bens no DivulgaCandContas no valor de R$ 69.686,17. Em 2014 afirmou ter R$276.426,57 em posses.
Pré-candidato do PSDB, Roberto Rocha declarou R$ 2.286.531,13.
Senadores (chapa Flávio/Roseana)
Lobão – bens
2010 – R$ 5. 093.842,25
2018 – R$ 8.632.545,69
Sarney Filho – bens
2014 – R$ 4.752.376,77.
2018 – R$ 6.163.599,06
Weverton Rocha – bens
2014 – R$325.760,07
2018 – R$ 2.468.312,29
Eliziane Gama – bens
2016 – R$630.000,00
2018 – R$ 690.000,00
Do John Cutrim
Faça um comentário