Prefeito Américo garante piso salarial dos professores

Um levantamento do MEC, feito entre setembro e novembro de 2016, mostrou que a maior parte dos municípios brasileiros não paga o piso salarial dos professores da rede municipal. Dos 5.570 municípios de todos os estados, incluindo o Distrito Federal, apenas 2.533 declararam pagar pelo menos o valor do piso nacional aos professores, ou seja, 55% não cumprem a lei.
Em Coelho Neto a realidade é outra, em 2017 e 2018 o prefeito Américo garantiu a inclusão do reajuste nos salários da categoria. A folha de janeiro deste ano, paga no último de 31, foi para o banco com reajuste já incluso. 
Com isso o prefeito garantiu o cumprimento dos termos do art. 5º, da Lei nº 11.738, de 16 de julho de 2008, que estabelece a atualização anual do piso nacional do magistério, sempre a partir de janeiro.
Com isso o prefeito vai na contramão da maioria da cidades, reforça a valorização dos professores e demonstra compromisso com a classe.
Com informações da prefeitura de Coelho Neto
Comentários do Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *