O conto do prefeito que não gosta de festa

Quando o prefeito Américo de Sousa (PT) venceu às eleições municipais de 2016 e posteriormente assumiu o comando do município em 2017, a oposição logo apressou-se em difundir pela cidade diversos boatos sobre a personalidade do gestor municipal. O boato que eles mais citavam no inicio do governo era sobre o prefeito “nunca” ter sido visto em qualquer evento, logo era um homem avesso a festas e por consequência a prefeitura deixaria de promover os eventos que tradicionais de Coelho Neto. 
Cantora Mara Pavanelly com o prefeito Américo de Sousa, Festejo Junino de 2018
Passados precisamente dois anos desde então, acredito que podemos dizer que o prefeito Américo de Sousa derrubou mais uma mentira criada e propagada pela oposição, uma vez que já organizou grandes eventos em solo coelhonetense. Seu primeiro carnaval foi um sucesso absoluto, tanto em animação como também em segurança, mesmo sucesso visto em 2018. Os festejos juninos não deixaram em nada a desejar, e a Festa da Padroeira Sant’Ana não ficou atrás, o aniversário da cidade foi um brilho só. 
Com bastante planejamento e organização, o Governo Municipal atraiu para Coelho Neto grandes artistas. Nomes do cenário nacional tal como Falamansa, Mano Walter e Mara Pavanelly já tocaram para nossa população, a última inclusive voltará nesse carnaval. Assim como artistas regionais de grande quilate, e as pratas da casa são presença constante, e tudo porque hoje a administração municipal, que tem como regente um homem que eles “dizem não gostar de festas”, se preocupa em oferecer o que tem de melhor. 
E ainda cabe pontuar, que as festas de Coelho Neto, e o sucesso de cada uma delas, têm tirado o sono da oposição. O incomodo é tanto, que eles já chegaram ir ao Ministério Público denunciar os shows organizados pela Prefeitura de Coelho Neto, algo que se tivesse sido acolhido pela Justiça, poderia impedir que o município fizesse novos eventos.
Passados dois anos, já não é o prefeito Américo que não gosta de festas e sim a oposição, que chora a cada sucesso tocado em Coelho Neto, e que vê obrigada a usar de maracutaias para tentar impedir a realização dos eventos festivos da cidade.
Se depender do prefeito Américo e da Justiça, a oposição vai chorar mais um bocadinho. Porque teremos um grande carnaval, com muitos sucessos, e com toda certeza, com um grande público.
Faça um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *