Ministro Sérgio Moro determinou envio da Força Nacional para o Maranhão após assassinato de índios

Nesta segunda (9), um dos indígenas mortos foi sepultado em Jenipapo dos Vieiras.

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, autorizou nesta segunda-feira (9) o envio de tropas da Força Nacional à região onde dois índios da etnia Guajajara morreram e outros dois ficaram feridos em um atentado registrado no sábado (7) na BR-226.

O incidente ocorreu entre as aldeias Boa Vista e El Betel, no município de Jenipapo dos Vieiras, a 506 km de São Luís. Um dos feridos contou ter sido surpreendido por um veículo de cor branca que disparou diversas vezes contra a moto onde ele e um dos mortos estavam.

A medida anunciada por Moro é válida para os próximos por 90 dias – de 10 de dezembro de 2019 a 8 de março de 2020 – e pode ser prorrogada. Segundo a portaria do Ministério da Justiça, a ação tem objetivo de garantir a integridade física e moral dos povos indígenas, dos servidores da Fundação Nacional do Índio (Funai) e dos não índios na região.

De acordo com a Funai, o crime pode ter relação com constantes assaltos registrados naquele trecho da BR-226.

Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *