João Alberto vai para o sacrifício

Aos 82 anos e com a reeleição ao Senado quase certa, João Alberto (PMDB) foi escanteado pelo grupo Sarney em nome das candidaturas de Edison Lobão (PMDB) e Sarney Filho (PV). O senador terá de aceitar a incerta vaga de vice na chapa da pré-candidata ao governo do Maranhão Roseana Sarney (PMDB).
Segundo o blog do Domingos Costa, a aposentadoria compulsória do “Carcará” foi decretada pelo ex-deputado federal e fiel escudeiro do ex-presidente José Sarney, Chiquinho Escórcio. “João Alberto estará nas eleições de 2018 e formará chapa com Roseana Sarney”.
Presidente do Conselho de Ética do Senado, braço direito de Michel Temer no Congresso Nacional, pesou a favor de Alberto o fato dele ser um dos únicos membros do PMDB que não foi citado na Operação Lava Jato, ao contrário da própria Roseana.
Do Marrapá
Comentários do Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *