De olho na moda: Pantone e a cor de 2017…

Tudo
bem que já estamos no terceiro mês de 2017, mas dizem que o ano só começa após
o carnaval. Então, apresento a vocês a cor selecionada para esse ano: Greenery.

Vamos
às perguntas que devem estar se fazendo:
1.
Como assim cor do ano?

Bom,
a Pantone é uma empresa que há vinte anos cataloga todas as cores e, todo ano –
através de muita pesquisa – ela lança para nós, designers, uma paleta de cores
que serão tendência no ano seguinte. Dentro dessa paleta, é escolhida uma cor
(ou duas, como aconteceu em 2016 com rosa Quartz e azul Serenity) para
representar e inspirar o ano. 2016 foi um ano conturbado, pesado e de mudanças.
A cor Greenery vem em 2017 para representar a esperança, renovação,
refrescância e natureza, com o intuito de ser um ano mais leve e revigorante.
“Greenery
abre o caminho para 2017 trazendo a auto-confiança pela qual aspiramos em meio
a quadro político e social tumultuado. Satisfazendo nosso desejo crescente de
rejuvenescer e revitalizar, Greenery simboliza a reconexão que desejamos com a
natureza, com nós mesmo e com um propósito maior.”

(Leatrice
Elseman – Diretora Executiva do Pantone Color Institute)


2.
Mas isso funciona? É verdade mesmo?

Pois
bem, é só relembrarmos o quanto aquele batom rosa/lilás fez sucesso em 2013 (a
cor se chamava Radiant Orchid) ou como o vermelho/vinho, conhecido como Marsala,
invadiu 2015. Foi tudo estudado, investido e previsto pela empresa Pantone. Então
confie que é garantido!

3.
E como/onde usar a cor?
Em
tudo! Verde é uma cor fácil de ser harmonizada com tons neutros e pastéis
(arquitetura, decoração, moda), metálicos (acessórios) e tons fortes (design
gráfico e produtos). Confere um pouco:

De olho na moda é uma coluna assinada por:

Glay Glenda Marinho é coelho-netense vivendo em Teresina-Pi, onde teve a oportunidade de estudar moda e por ela se apaixonou.  Técnica em Vestuário formada pelo Instituto Federal do Piauí, bacharel em Design de Moda pela Universidade Federal do Piauí e pós graduanda em Moda, Cultura e Mercado, Glay atua como produtora de moda, stylist e vitrinista, além de ministrar oficinas, minicursos e palestras.
Comentários do Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *