COELHO NETO: afinal, por que a Secretária de Saúde não aplicou em 40 dias todas as vacinas disponíveis?

No dia 21 de janeiro de 2021 chegava em Coelho Neto o primeiro lote de vacina contra COVID-19 para ser aplicada na população. Daquele dia até hoje, quinta-feira (04/03), a Prefeitura de Coelho Neto já recebeu 1772 doses da vacina, contudo, deste total apenas 1059 doses foram aplicadas na população, uma média de 25 vacinas aplicadas por dia, segundo dados fornecidos pelo Governo do Maranhão através da Secretária de Estado da Saúde.

É muito estranho o fato de que 41 dias após ter dado início a vacinação no município apenas 1.059 doses tenham sido aplicadas nos coelhonetenses, principalmente, e aqui dou apenas um exemplo, se considerarmos, que de acordo com o IBGE, em Coelho Neto temos 1.945 idosos acima de 70 anos, grupo que é tido como prioridade para receber a vacina, ou seja, as 1.772 doses de vacina que a cidade já recebeu daria para vacinar a grande maioria dos nossos idosos, e ainda faltaria vacina.

Dados do IBGE apontam Coelho Neto com 1.945 idosos com idade acima de 70 anos

Agora, se apenas 1.059 vacinas foram aplicadas em Coelho Neto, onde foram parar as 713 vacinas que deveriam estar sobrando? Será que tivemos gente recebendo vacina de forma indevida, furando fila?! Mas, se estão de fato sobrando, por que nestes 41 dias todas elas não foram utilizadas e aplicadas na população idosa da cidade, afinal, como os número do IBGE mostram e de acordo com os dados da Secretária de Estado da Saúde, vacina para ser aplicada e idosos para receber não estão faltando.

Será que está faltando competência administrativa na Secretária de Saúde?

São respostas que o Prefeito Bruno Silva, e a Secretária Municipal de Saúde, cujo o único mérito para ocupar o cargo é ser tia do prefeito, a senhora Josely Almeida, devem para toda população.

Voltamos a qualquer momento com mais informações.

Comentários do Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *